Casa Mortuária de Barra do Garças encontra-se e situação de descaso e abandono.

Um empresário de Barra do Garças esteve no velório de dois amigos no início deste ano e ficou indignado ao ver a situação de abandono em que se encontra a Casa Mortuária da cidade.

Por João Evilson 13/01/2019 - 22:47 hs
Foto: Reprodução

O Empresário do ramo de turismo do município de Barra do Garças, Gordintur, esteve no velório de um amigo no primeiro dia deste ano, Sr. José Divino Franco que era proprietário de um dos maiores e mais antigos hotéis da cidade e do Sr. Edward Camilo da Silva no dia 03/01 e ficou indignado com a situação de abandono em que viu a Casa Mortuária da cidade aonde seu amigo estava sendo velado.

Segundo o empresário, é um desrespeito muito grande da gestão pública com a população de Barra do Garças, pois a casa encontra-se em uma situação muito precária, sem nenhum tipo de conforto para as pessoas que velam seus entes queridos, sem climatização, banheiros depredados, sem lugares para sentar e outras infraestruturas que dão pelo menos um bom aconchego às famílias barra-garcenses em seus momentos de dor e sofrimento. Conforme relata ainda, o custo não é grande, bastava apenas um interesse do Executivo e cobranças por parte do legislativo para que num gesto humano e em respeito à sociedade, resolvessem essa situação o mais urgente possível. São todos cidadãos e cidadãs de Barra do Garças que merecem respeito, tato o rico como o pobre e não importando suas crenças religiosas, todos merecem mais um pouco de respeito, pois são deles que geram as receitas para ser transformadas em benefícios de todos, complementou o empresário.

Ainda, o que mais indigna o empresário é que segundo ele, os representantes da Casa Legislativa, vice-prefeito e outras autoridades da política municipal visitam a Casa e ainda não viu nenhum tomar uma iniciativa de levar ao Executivo esse problema que não é difícil de resolver. Em conversa com amigos e outros empresários da cidade, Gordintur disse que se o poder público não tomar uma iniciativa para que a casa mortuária seja mais zelada, irão apresentar uma ideia ao Executivo para que a mesma seja privatizada para que tenha uma melhor atenção e mais respeito com os cidadãos e cidadãs de Barra do Garças.