Aumento de ocorrências Policiais preocupa moradores de Santa Terezinha

A Polícia Militar está sem condições de realizar seu trabalho ostensivo e nem de atender a população, pois está a quase três meses sem viatura.

Por João Evilson 11/01/2019 - 17:05 hs
Foto: João Evilson

O Município de Santa Terezinha atualmente é um lugar bem tranquilo e com baixo índice de violência, graças ao trabalho que as Polícias Militar e Judiciária Civil tem realizados de uns cinco anos pra cá, só que esta tranquilidade está sendo ameaçada novamente e a  população está começando a se preocupar, pois  desde o  início do mês de novembro a Polícia Militar, responsável pelo trabalho da segurança ostensiva e preventiva, está sem nenhuma viatura para poder realizar seu trabalho. A caminhonete, que estava com problemas, foi recolhida pelo Estado e até então a PM não recebeu nenhum outro veículo e está sem previsão de receber um novo veículo.

Conforme levantamento feito pelo Vip Araguaia, os boletins de ocorrências e os chamados para atendimentos triplicou nesses últimos dois meses. São casos de furtos, tentativas de roubos, tentativas de agressões, brigas, pessoas armadas em eventos, roubo de gado, desordem no trânsito e tráfico de drogas. Raramente por uma ou duas vezes a Polícia Militar recebeu um apoio da Prefeitura Municipal que através de articulação do Conselho Municipal de Segurança Pública, tem fornecido veículo para atendimento de alguma ocorrência de grande importância, más a prefeitura não pode disponibilizar por período mais longo os seus veículos por serem veículos de uso exclusivo de setores como a saúde e a educação. No entanto, caberia ao executivo e o legislativo municipal buscar junto ao estado uma solução para o problema o mais urgente possível, mesmo que consiga um veículo em comodato de alguma secretaria do estado em bom estado de conservação até que seja resolvido os contratos com as empresas que locam os veículos para a Polícia estadual.

Ao realizar uma pesquisa com moradores da cidade e comunidades do interior do município, todos falaram ao Vip Araguaia, que sentem instabilidade na segurança devido a falta da polícia andando pelas ruas da cidade e pelas comunidades rurais. Muitos deixaram de andar pelas ruas em dias de eventos, com medo de brigas e de pessoas colocarem a vida deles em risco no trânsito.

Santa Terezinha atualmente é um lugar tranquilo, más tem um passado recente muito sombrio de crimes violentos, assaltos com morte e conflitos de terras. Portanto, com o êxito do trabalho realizado pelas polícias Militar e Judiciária Civil transformaram o município em um lugar pacífico e com um índice de violência quase zero, más o município não pode abrir a guarda e achar que está tudo bem, que não está, coisas estão acontecendo sem que a maioria da população tenha conhecimento, inclusive com o aumento de ocorrências que está preocupando não somente a população, más também a própria polícia que está de mãos atadas sem poder fazer grandes coisas, pois correr a pé atrás de bandidos motorizados é uma forma até ridícula de se pensar, más pode servir de alerta, porque os próprios policiais estão se sentindo  desvalorizados, e a segurança pública, que não é tão somente dever do estado e sim de todos, pois no município é o lugar aonde as pessoas vivem, trabalham, pagam seus impostos e precisam de Segurança. O Poder Público tem que dar uma resposta rápida à população o mais rápido possível.