Decisão da Fifa muda lista dos países que têm mais campeões mundiais de clubes; veja o novo ranking

Com esta

27/10/2017 - 22:53 hs
Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira, a Fifa reconheceu os ganhadores da antiga Copa Intercontinental, torneio disputado entre os campeões da Libertadores e da Liga dos Campeões entre 1960 e 2004 , como campeões mundiais de clubes. Com isso, Santos (campeão em 1962 e 1963), Flamengo (1981), Grêmio (1983) e São Paulo (1992 e 1993) agora foram oficializados como detentores dos títulos mundiais destes anos, de acordo com os regulamentos da entidade suíça.

Com esta "carimbada" nos títulos da Copa Intercontinental, aliás, a Fifa mudou completamente o ranking dos maiores campeões mundiais.

Antes, a organização considerava campeões do mundo só os ganhadores dos Mundiais organizados por ela: o de 2000, vencido pelo Corinthians em uma primeira edição experimental, e de 2005 para frente, já em definitivo. 

Com isso, a lista dos maiores campeões do mundo tinha: Barcelona (3), Corinthians (2), Real Madrid (2), São Paulo (1), Internacional (1), Inter de Milão (1), Manchester United (1), Milan (1) e Bayern de Munique (1). 

Portanto, o país com o maior número de campeões mundiais era a Espanha, com 5 títulos, seguida do Brasil, com 4, e da Itália, com 2.

Agora, porém, o país com o maior quantidade de campeões mundiais passa a ser o Brasil, com 10 títulos ao todo: São Paulo (3), Santos (2),  Corinthians (2), Grêmio (1), Flamengo (1) e Internacional (1). 

A Espanha, por sua vez, fica em 2º lugar, com 9 taças (5 do Real Madrid, 3 do Barcelona e 1 do Atlético de Madri), mas agora empatada com a Itália, que subiu para 9 troféus (4 do Milan, 3 da Inter de Milão e 2 da Juventus), e Argentina, outra com 9 conquistas (3 do Boca Juniors, 2 do Independiente, 1 do Estudiantes, 1 do River Plate, 1 do Racing e 1 do Vélez Sarsfield).

Completa o pódio o Uruguai, com 6 troféus: 3 do Peñarol e outros 3 do Nacional.

A nova determinação da Fifa, porém, não fez a América do Sul virar para cima da Europa no número de taças. Agora, são 30 troféus para os representantes da Uefa e 26 para os times da Conmebol nas 56 edições disputadas.

Flamengo foi campeão mundial em 1981, com vitória sobre o Liverpool

Flamengo foi campeão mundial em 1981, com vitória sobre o Liverpool(FOTO:PETER ROBINSON - EMPICS/PA IMAGES VIA GE)

  • Veja a lista dos países que mais ganharam Mundiais

1. Brasil: 10 títulos (3 do São Paulo, 2 do Santos, 2 do Corinthians, 1 do Grêmio, 1 do Flamengo, 1 do Internacional)
2. Espanha: 9 títulos (5 do Real Madrid, 3 do Barcelona, 1 do Atlético de Madri)
2. Itália: 9 títulos (4 do Milan, 3 da Inter de Milão, 2 da Juventus)
2. Argentina: 9 títulos (3 do Boca Juniors, 2 do Independiente, 1 do Estudiantes, 1 do River Plate, 1 do Racing, 1 do Vélez Sarsfield)
5. Uruguai: 6 títulos (3 do Peñarol, 3 do Nacional)
6. Alemanha: 4 títulos (3 do Bayern de Munique, 1 do Borussia Dortmund)
7. Holanda: 3 títulos (2 do Ajax, 1 do Feyenoord)
8. Inglaterra: 2 títulos (2 do Manchester United)
8. Portugal: 2 títulos (2 do Porto)
10. Paraguai: 1 título (Olimpia)
10. Iugoslávia: 1 título (Estrela Vermelha)

FONTE: SPN.COM.BR